19 de mar de 2013

LEMBRANÇAS



Lembro, o fogo aceso
no fundo da caverna
ou na clareira da mata,
o chamado das estrelas,
a lua errante, ensanguentada.
Lembro das palavras murmuradas.
Lembro, enquanto viro as páginas
do livro, da vida, toda lembrança
da humanidade é minha.

Roseana Murray
In Poemas para ler na escola

Nenhum comentário:

Postar um comentário