8 de jan de 2013

PORTO PARADO



No movimento
lento
das barcaças
amarradas
o dia
sonolento
vai inventando as variações das nuvens...


Mario Quintana 
In A cor do Invisível 

Nenhum comentário:

Postar um comentário