9 de jun de 2011

Silêncio

Cale-se o pensamento,
de falas, intensas,
solitárias, que tenho!

Que se emudeça,
apenas por um momento,
essa loucura,
que se repete, enlouquece!

Cale-se o pensamento,
de sonhar-te,
num querer intenso,
que domina meu sentimento!

Quero o total silêncio,
rompendo tantas vozes,
que rodeiam, incendeiam,
para poder esquecer, entender,
que não se pode perder,
o que jamais chegou-se a ter!

(Reggina Moon)

Nenhum comentário:

Postar um comentário