20 de nov de 2010

a poesia anda assim fazendo pirraça fugindo de mim , fazendo graça , me bagunça a casa , as gavetas, me desafina o violão, bate o portão, toma meu vinho, se esbarra em mim  , me joga no chão........vera lucia

Um comentário: