18 de set de 2010

Viagem



Chego de muitas idas e vindas
com o gosto de mar,
coração ancorado
no cais de luzes matinais

Meus olhos peregrinos
procuram no espaço,
sonhos que andam pelos ares
à bordo de um sorriso outonal

Transcendo a vida,
na essência do infinito
com a ternura dos antigos tempos,
que o silêncio guardou
em saudades esquecidas



Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 14/09/10
Código do Texto: T2497917

Nenhum comentário:

Postar um comentário