12 de set de 2010



Hino à Primavera

Esses campos verdejantes
que percorremos a eito...
Já não são o que eram antes,
fazem-nos abrir o peito.
Deles rebentam flores
de várias tonalidades...
crescem com elas amores
e algumas amizades.
O cantar dos passarinhos
dá nova fisionomia.
Dá-nos festas e carinhos
e também dá alegria.
O chocalhar dos chocalhos
do gado que anda a pastar...
É uma linda melodia
que nos incita a amar.
O cheiro que a terra deita
é cheiro entontecedor,
tal qual como quem espreita
o despertar do amor.
Esses campos verdejantes,
são mais lindos, mais dourados,
são o lugar dos amantes e de muitos namorados.

Fernando Fitas

2 comentários:

  1. Sejam nossas almas de poetas eternas em primavera. Lindo! Abraços

    ResponderExcluir
  2. Assim seja.
    Obrigada por comentar, Abraços.

    ResponderExcluir