1 de set de 2010

És o amigo



Ouviste meu silêncio,
viste as cores dos meus sonhos,
sentiste o peso da minha dor

Fizeste da minha caminhada
o nascer da poesia,
esculpida em magia
num rosto de fantasia

És a canção permeando a luz,
o ser único que te faço,
meu instante que se renova,
a diferença que nos unifica


Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 01/09/10
Código do Texto: T2472936

Nenhum comentário:

Postar um comentário