6 de jul de 2010

Surpreenda-me

Surpreenda-me,
juntando pedaços de vidas
deixados no caminho que percorri,
desalinhados como um quebra cabeça
que nunca formei

Traga sua imagem nas asas do tempo
cortando céus entre luzes prateadas
e sons difusos

Desperta-me desse sono letárgico,
dá-me o tempo que não me dei
diz qual parte eu perdi
se tanta coisa esqueci,
guardo o que errei
o certo, desaprendi.


Conceição Bentes
Publicado no Recanto das Letras em 06/07/10
Código do Texto: T2360970

Nenhum comentário:

Postar um comentário