17 de jul de 2010

Quero te amar hoje....


Quero te amar hoje....
 
Então vem...Entrega-se. Faça amor
Me abraça forte mas não apaga o meu sorriso,
Pois foi esse sorriso que te encantou,
Me aperta no seu corpo para iluminar o meu olhar.
 
Permita brincadeiras sensuais com ternura de menino
Até que o seu calor traga na pele desse homem
A sensação deliciosa do calor que desfaz sorriso
Que traz respiração ofegante, gemidos e suspiros.
 
E quando achar que me tem todo, que estou pronto pra você
Me faz amor com loucura e me dá carinho
Me prende na sua pele, exala seu cheiro que me deixa louco,
Me envolve com seus braços e busca o que deseja com suas
Mãos delicadas, me cravando as unhas, pra dizer vem, te quero...
 
Na entrega me deixa flutuando, não preciso de calma
Quero sentir você, vem matar a minha fome de prazer
Traz seu corpo malicioso,deixa eu te  cobrir,
E me deixa ver as estrelas do céu quando a tiver.
 
Posso ter te total...você e eu e todo tempo inundar de prazer.
Não me devolve nada, apenas toma o que é seu e me faça viver dentro de
Ti ,palavras atrapalhadas e incompreensíveis, perdidas em olhares que dizem o que    
Vai acontecer
 
Vem ...sempre quero amar você...
 
Ulisses Reis®
26/10/2007

2 comentários:

  1. Lindo esse poema! Vim conhecer os poemas da Reggina Moon e dou te cara com você. Êta Mundo pequeno véio de guerra, sô!!! Até aqui cê me "persegue", trem!!!!
    Acho que tá escrito nas estrelas, só pode!!! Desaprega d'eu, trem bobo!!!

    Gosto demais de você! Seus poemas, seu sorriso. Jamais iria querer tomar de você o que tem de mais belo e essencial que são seus versos e sua alegria.

    Torço muito por você, para que espalhe seus versos a toda parte e todos possam conhecer esse MENINO POETA E SAFADO que me encanta, fascina, delicia...

    Vou levar o link do DIONÁRIA. Vc não me disse que havia esse SELO DO DIONÁRIA. Logo o meu preferido você esconde de mim. Quero mostrar o HELENO PRA TODO MUNDO e o ULISSES REIS também. Mas o ULISSES REIS daqui. Quanta diferença do outro Ulisses Reis. Esse é muito mais delicado, charmoso, escreve bem demaisssss!!!! Poucas vezes você posta poemas tão contundentes e profundos em seus próprios blogs como os que posta aqui. Acho que lá você quer assumir a "postura do safado" pra mulherada cair matando em cima. Enquanto que aqui você deixa o poeta mais intelectual fluir...

    Confesso que esse daqui me conquistou muito mais. O outro ULISSES REIS eu gosto demais também, MAS só entre 4 paredes...e somente MEU.

    Mas sua teimosia não deixa a gente ficar junto. É uma pena, pois seria uma troca absurda de boa. Troca de sentimentos, versos, ideias, saliva, fluidos, calor...

    Te quero um Bem enorme, mesmo que nunca possamos ficar frente a frente, olho no olho. Seus versos já me embriagam com muita ternura e afago.

    beijo!

    Ah, vou levar esse poema para a LOBA agora. Ela vai adorar postar em primeira mão: O Ulisses Reis deliciosamente terno e carinhoso.

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado pelo teu carinho, voce é tudo de bom quando quer e sempre esta aqui pertinho de mim, beijos !!!

    ResponderExcluir