21 de mar de 2009

CORPO MOLHADO


CORPO MOLHADO
(Genaura Tormin)

Quero sentir a tua essência,
Permear-me nos teus cantos,
Esconder-me nos teus braços,
Decantar todos os traços
Deste desejo indomável.

Quero esse querer querido,
Esse amar sofrido,
Que maltrata, exalta,
E me dá prazer.

Quero envolver-te
Neste fogo que me queima,
Na loucura que me invade,
Ao contemplar o teu corpo molhado,
O desejo assanhado
E o gosto do teu beijo
Na minha boca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário